Oferta T-Shirt BB MOMMY em compras de valor igual ou superior 100 €
FEITO EM PORTUGAL
Envios em 24h!

Como desfraldar o seu filho?

20 Maio, 2020

No momento de desfraldar, a criança começa a perceber que aquilo que está na fralda é ela quem a faz. E esta é uma grande mudança na capacidade de auto percepção, diferente de tudo o que a criança já passou anteriormente. Um dia, com toda a certeza, o seu filho vai sair da fralda e usar a sanita da maneira correta. Mas tudo tem o seu tempo certo.

 

Não existe uma idade precisa para fazer esta passagem, mas os especialistas afirmam que antes de 1 ano e meio a criança não tem maturidade para encarar esta mudança.  O período natural do desfralde do bebé é entre os 18 meses aos 4 anos, segundo a fase de desenvolvimento anal especificada por Freud. Se insistir antes da hora, vai stressar-se à toa e não vai trazer qualquer benefício para o seu filho.

 

Especialistas defendem que o ideal é começar o desfralde diurno e depois fazer o noturno. Isto porque o organismo da criança pode ter dificuldade de aguentar o xixi durante as fases do sono profundo. Depois que o seu filho estiver sem fraldas o dia inteiro, pode começar a pensar em tirar a fralda noturna.

 

Primeiros sinais: Quando chega o momento de abandonar a fralda, as crianças começam a dar alguns indícios. A partir do momento em que você perceber que ele obedece a comandos, compreende frases simples e imita a ação dos pais, significa que tem maturidade para iniciar o desfralde.

 

Iniciar: Ao perceber os sinais, você deve iniciar o ensino gradual. Comece a apresentar a casa de banho, a sanita e mostre ao seu filho qual o destino de tudo o que ele vai fazer no penico.

 

Seja menina ou menino, a participação tanto do pai quanto da mãe é essencial neste momento, os dois têm que se envolver.

 

Converse muito: Neste momento é importante passar uma orientação de forma lenta e gradual através de gestos repetidos, como levar a criança à casa de banho e, juntamente com ela, deitar para a sanita o que tiver no penico. Tudo deve ser ensinado didaticamente, para que ela adquira consciência do que está fazendo.

 

A melhor estação é o verão: Deixar a criança molhada com xixi num tempo frio pode causar constipações, além de assaduras incómodas. Prefira sempre o verão!

 

Encare com naturalidade: É fundamental que a criança perceba que fazer as suas necessidades na casa de banho é importante. Por isso, seja exemplo e encare o fato com naturalidade.

 

Avise a escola: Quando for iniciar o processo do desfralde, combine o mesmo com a escola para não confundir a criança, pois esta não entende o facto de ter que ficar sem fralda no período escolar e para ir passear, por exemplo, precisar andar com a fralda de novo. Atitudes como esta podem tirar a segurança e confundir criança, deixando o processo muito mais demorado.

Cuidado com as suas atitudes: Evite forçar seu filho a passar horas sentado no penico. Esta obrigação pode provocar outros problemas, como a prisão de ventre.

 

Converse com o pediatra: Transforme esta fase um momento tranquilo. É importante a conversa com o pediatra sobre este momento, já que este pode dar dicas e orientações por conhecer bem a si e ao seu filho.

 

Depois do penico: Não faça a transição do penico para a sanita muito cedo. Você vai saber que o seu filho está pronto para a sanita, quando este é capaz de lá chegar sozinho e se sentar, mesmo se remover o assento de criança. Isto geralmente acontece em torno dos 3 anos.

 

Tudo a seu tempo: A principal dica é que você não tenha pressa e tente fazer tudo de forma lúdica para a criança. O pior erro é repreender ou discutir, porque desta forma pode estar a prejudicar e a atrasar o progresso, já que a criança pode sentir-se reprimida por usar o penico noutras vezes e até mesmo causar prisão de ventre.

 

Ideias divertidas para desfraldar o seu filho

 

Abandonar a fralda e entrar num novo mundo dentro da casa de banho pode ser assustador para as crianças. Por isso, é importante que ajude o seu filho nesta altura, incentivando a ida à casa de banho, mas sem pressão. Deixamos algumas dicas práticas que pode seguir com o seu filho, para deixar o momento do desfralde mais tranquilo e divertido:

  • Calendário colorido: Crie um calendário e decore com o personagem favorito do seu filho, ou com autocolantes coloridos. Depois de cada ida bem sucedida à casa de banho, peça para ele marcar no quadro.
  • Transforme-o num herói: Crie uma história, ou um scrapbook, a contar a história da luta do pequeno contra as fraldas. E deixe que ele participe, dando a sua versão dos factos.
  • Livro de colorir: Deixe que seu filho faça um desenho sobre cada ida à casa de banho.
  • Livros: Os livros podem ser incentivadores de várias maneiras. Tente uma destas ideias enquanto o seu filho lê e pratica a ida à casa de banho:

– Mantenha alguns livros no espaço (e estes não devem sair de lá);

– Para que o pequeno se acostume com a sanita, coloque-o sentado com roupa, enquanto você lê uma história. Só quando ele estiver pronto é que retira a fralda:

– Leve o seu filho até a livraria mais próxima, e deixe que ele escolha os livros, que só serão lidos durante a ida à casa de banho

  • Bonecas que fazem xixi: Se a sua filha está com dificuldade para se adaptar ao uso da sanita, compre uma boneca que faça xixi e coco, e incentive que sua pequena ensine a boneca a usar a sanita. Desta maneira, ela também vai aprender e encarar a ida á casa de banho com mais naturalidade.
  • Não perturbe: Faça um aviso de porta divertido com o seu filho, e peça para que este o decore com autocolantes e imagens coloridas.
  • Cuecas de “pessoas grandes”: Leve o seu filho às compras e deixe que este escolha quais serão as suas novas cuecas, sejam elas coloridas ou de personagens de TV, além de deixar claro que ele já é grande o suficiente para as usar.
  • Água colorida: Tinja a água da sanita com corantes vermelhos ou azuis, que irão transformar-se em laranja ou verde quando a criança fizer xixi. Faça deste momento um jogo para eles.
  • Recompensas: Pode fazer um saco cheio de brinquedos simples, como autocolantes e brinquedos baratos, para que, sempre que for à casa de banho com sucesso, a criança possa ficar com um para brincar nesse momento.
  • Personalize o penico: Faça do penico um objeto ao gosto da criança, deixando que este use autocolantes ou tintas para decorar a peça.
  • Ajuda extra: Se o seu filho tem um objeto ou peluche de estimação, deixe-o levar esse item para a casa de banho com ele. Isso dará a sensação de segurança que a criança precisa nesta fase.

 

Como está a correr o processo de desfraldar?

Partilhe este artigo com quem possa precisar ou vir a precisar de conselhos para desfraldar os pequenos.

 

Fechar
InstagramPinterest
10% Desconto
Na 2ª compra
* Válido para compras superiores a 35€
Open chat
Olá, necessita de ajuda?